STOP À DESTRUIÇÃO DO MUNDO

Informação

STOP À DESTRUIÇÃO DO MUNDO

SERVE ESTE GRUPO PARA DIVULGAR AS PESQUISAS FEITAS DURANTE OS ÚLTIMOS 60 ANOS PELO ALEMÃO NORBERTO KEPPE E OUTROS, PARA AUMENTAR A NOSSA CONSCIENCIALIZAÇÃO E  ESPERANÇA.

Site: http://www.stop.org.br/
Membros: 18
Última atividade: 7 Jun, 2012

PENSAR NO QUE OUTROS PENSARAM

«O Projeto STOP à Destruição do Mundo é uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) inicialmente fundada em Paris em 1992, pela psicanalista e escritora Cláudia Bernhardt de Souza Pacheco, que reuniu um grande grupo internacional de indivíduos e instituições dedicados à preservação da vida humana e da natureza.
Dentro de seus princípios estão o não compromisso com partidos políticos, religiões, nacionalidades, raças e interesses econômicos. A principal orientação científica e filosófica usada pelo STOP é a do psicanalista, filósofo e cientista social,
Norberto Keppe, criador do método da Psicanálise Integral ou Trilogia Analítica e autor de mais de 30 obras sobre a psico-sociopatologia. Seus objetivos são promover a conscientização em massa da causa psico-sociopatológica dos problemas da nossa era e fornecer mais ferramentas a quem queira trabalhar para sua solução. Não só brecar a destruição, mas melhorar a qualidade de vida dos seres humanos, da sociedade e do planeta como um todo».

A partir desta base, vamos partilhando aqui o que acharmos que possa contribuir para a preservação e aumento da dignidade e esperança em crise.

Peço encarecidamente aos meus amigos que procurem não se agredir entre si, uma vez que não me acho com capacidade para moderar os comentários.

Mais links contra a destruição do mundo. Os que vocês forem sabendo, podem ir enviando, que eu ponho aqui :http://permaculturaportugal.ning.com/group/activismoacespeties

http://permaculturaportugal.ning.com/group/choupal

Fórum de discussão

NÓS DESTRUIMOS O MUNDO, POR CEGA OBEDIÊNCIA (Experiência Milgram)

Iniciado por Maria Gomes 7 Jun, 2012. 0 Respostas

É ao mesmo tempo ridículo e terrífico o poder da obediência em nós.Este vídeo http://www.youtube.com/watch?v=VT3wKbBNo64 ,divulgado pelo João…Continuar

IGNORÂNCIA ACTIVA

Iniciado por Maria Gomes 16 Maio, 2011. 0 Respostas

Os cientistas estão a chegar à conclusão que duas causas para a morte das abelhas são agrotóxicos e telemóveis.Sendo assim, uma rápida regressão do problema seria deixarmos de provocar emissão de…Continuar

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de STOP À DESTRUIÇÃO DO MUNDO para adicionar comentários!

Comentário de Maria Gomes em 22 maio 2012 às 19:21

O filósofo e escritor francês La Rochefoucauld afirmava: “É preciso ser mais virtuoso para suportar a prosperidade do que a sorte adversa”.

Dá que pensar.

STOP À DESTRUIÇÃO DO MUNDO.

Comentário de Chelonia mydas em 19 maio 2011 às 22:08

Boas,

Andei pela TPP à procura de informação sobre cidadania, petições e activismo e dei-me conta que existem 3 grupos que poderiam estar dentro da mesma temática: o teu (Stop destruição do Mundo), o do Ricardo (Activismo e Petições) e o do Chris (Plataforma do Choupal).

Por ter achado interessante esta ligação pensei em deixar esta nota e saber se não poderiam ligar os grupos para ser mais fácil de consultar (tipo com links na descrição dos grupos ou criando um local comum na ficha dos Grupos).

O que achas? Vou postar esta mensagem nos outros grupos também...Pode ser que ajude outros "pesquisadores".

A propósito, bom trabalho!!

Comentário de Maria Gomes em 11 maio 2011 às 18:43

Assinai esta petição https://mail.google.com/mail/?hl=pt-PT&shva=1#inbox/12fdf87e05c... 

Não custa nada clicar e assumir que esta estamos numa aldeia global e somos todos irmãos e primos.

Comentário de Maria Gomes em 4 maio 2011 às 8:01
Informativo-Notícia 2011-05-02 19:57:00
«Portugueses no estrangeiro avançam dez ideias para melhorar o país
Ambiente e sustentabilidade, inclusão social, diálogo intercultural e envelhecimento são os temas que enquadram as dez ideias finalistas, que podem ser conhecidas e avaliadas no site criado para a iniciativa. O FAZ - Ideias de Origem Portuguesa, assim se chama, pretende ser um veículo para "uma cidadania activa, envolvente e participativa".

Para já, a Fundação Calouste Gulbenkian e a Fundação Talento conseguiram, desde que lançaram o concurso, a 4 de Janeiro, construir uma comunidade online com mais de cinco mil pessoas. No final, esperam ter conseguido "incentivar a colaboração entre os portugueses que estão no território português e os que estão fora de Portugal".

O objectivo é veiculado na nota que acompanha a lista de finalistas, divulgada hoje. A selecção foi feita por um júri, que teve em conta os critérios do concurso e as votações dos cibernautas. Estas ideias chegaram sobretudo da Europa (Alemanha, França, Espanha, Holanda, Bélgica, Áustria, Reino Unido), mas também de Angola e dos EUA.

Uma das ideias passa por "estabelecer cooperações entre mercearias, para se tornarem mais competitivas". Outra, sugere "criar uma organização sem fins lucrativos que ofereça a possibilidade a senhorios de prédios degradados de reabilitarem o seu imobiliário a custo zero". Uma terceira, propõe promover uma "cultura do consumo sustentável". Há mais sete.

"O projecto que venha a vencer a última etapa do concurso deverá ser concretizado por equipas constituídas por portugueses residentes no nosso país e outros que residam no exterior", adianta o mesmo comunicado. O apoio para a concretizar o projecto vencedor, a anunciar em Julho, será dada pelas duas fundações que promovem a iniciativa.»

informação de Carla Gomes
Comentário de Maria Gomes em 20 abril 2011 às 9:51
desculpem, o sublinhado era para a viola, achei importante rectificar. Perdoem o incómodo :/ :)
Comentário de Maria Gomes em 20 abril 2011 às 9:49

ACABEI DE TER UMA VISÃO REAL:

NA VIA RÁPIDA ENTRE PINHAL NOVO E PALMELA, UM RAPAZ DE BICICLETA,COM UMA VIOLA ÀS COSTAS.

GANHEI O DIA :))))))))))))))))))))

Comentário de Maria Gomes em 20 abril 2011 às 9:06


A Avaaz está a todo vapor. A escala das nossas atividades, o nosso crescimento e as nossas vitórias são intensas! Olhe até o fim para ver os destaques dos últimos meses -- é incrível o que nós estamos construindo e alcançando juntos.

Já somos mais de 8,2 milhões e estamos adicionando 100.000 pessoas ao nosso movimento por semana! Duas semanas atrás, 650.000 indianos participaram da nossa campanha por uma lei anti-corrupção liderada pela sociedade civil, e nós vencemos!! Nós estamos conquistando vitórias importantes todos os meses -- combatendo a corrupção na Itália, corrupção midiática no Reino Unido e Canadá, a destruição ambiental no Brasil e muito mais. E também, por todo o Oriente Médio ativistas corajosos enfrentando forças de seguranças tenebrosas estão recebendo valiosos equipamentos e apoio com comunicação financiados pelas doações de mais de 3.000 de nós.

Desde as revoluções populares no Oriente Médio até movimentos nacionais anti-corrupção podemos sentir e ver em vários acontecimentos recentes: a democracia está avançando e juntos nós estamos rufando os tambores. A imprensa está atenta, escrevendo centenas de matérias, incluindo um destaque de 2.000 palavras no Times of London nos chamando de "o novo super poder da opinião pública global". Veja um breve relato dos últimos meses da nossa incrível comunidade de cidadãos mobilizados...

DESTAQUES RECENTES DE CAMPANHA

Campanha anti-corrupção explode na Índia
Duas semanas atrás, Anna Hazare um ativista Gandiano de 73 anos, declarou uma greve de fome até a morte, com a condição do governo deixar a sociedade civil elaborar uma nova e poderosa lei anti-corrupção. Em apenas 36 horas, um número sem precedentes de 500.000 indianos assinaram a campanha da Avaaz em apoio ao chamado do Hazare por uma reforma dramática. Em 4 dias, o clamor público forçou o governo da Índia a assinar uma resposta escrita a todas as demandas do Hazare! Nós vencemos! Hoje, uma nova Índia está nascendo e somente um anos atrás o Brasil também aprovou a legislação inédita da Ficha Limpa.

Furando o apagão das comunicações no Oriente Médio

Financiado por quase 30.000 membros da Avaaz, uma equipe está trabalhando diretamente com lideranças dos movimentos pró-democracia na Síria, Iêmen, Líbia e em outros países para distribuir telefones de alto tecnologia e modens de Internet via satélite, conectando-os com com as maiores redes de notícias do mundo e ajudando com a comunicação. Nós vimos o poder deste trabalho -- ciclos midiáticos globais são gerados por imagens e entrevistas de ativistas locais criadas e distribuídas com a ajuda da nossa equipe. A coragem dos ativistas que estamos apoiando é incrível -- uma mensagem de skype de um deles diz "... as forças de segurança estão vasculhando a minha casa, a bateria do meu notebook está acabando, se eu não estiver online amanhã estou morto ou preso". Ele está bem e as vozes destes corajosos ativisitas estão circulando o globo.

Grande vitória com os Hotéis Hilton vs o Comércio do Estupro

21 horas depois de 317.000 pessoas unirem-se ao chamado para o Presidente da Hilton assinar o Código de Conduta contra a exploração sexual, ameaçando publicar anúncios nos jornais da sua cidade, nós recebemos uma ligação do seu vice-presidente. "Vocês vão fazer o que?!" ela perguntou. O Hilton estava enrolando a meses. Nós demos 4 dias para eles assinarem, e eles aceitaram. Agora, os 180.000 funcionários da Hilton serão treinados para identificar e prevenir o horror da escravidão sexual de mulheres e meninas.

Reino Unido: o Povo vs. o Monopólio Midiático do Murdoch

A tentativa do barão midiático Rupert Murdoch de controlar a imprensa no Reino Unido gerou uma reação incansável dos membros da Avaaz, que lançaram anúncios, ações de rua, entregaram petições e participaram de campanhas de telefonemas, em um esforço para garantir um debate público aberto. A Avaaz encomendou uma pesquisa independente que mostrou que apenas 5% dos britânicos concordam com o Murdoch -- e novas acusações criminais por colocar escutas ilegais em telefones de políticos estão ajudando a derrubar a força da máquina midiática do Murdoch. O governo foi forçado a demandar concessões do Murdoch, e agora a decisão foi adiada -- custando ao Murdoch bilhões e ganhando tempo para pará-lo de vez.

Prevenindo um massacre na Líbia -- 1 milhão de mensagens para o Conselho de Segurança

As nossas mensagens pediam sanções, congelamento de contas e uma zona de exclusão aérea para proteger os civis na Líbia. As nossas vozes foram ouvidas: o embaixador da ONU dos EUA, um dos últimos a apoiar a proposta, publicamente nos agradeceu pelas mensagens. A ação internacional começou justamente quando os tanques do Kadafi cercaram a pequena cidade rebelde de Benghazi -- e foi amplamente creditada como a responsável por prevenir um massacre de civis em larga escala.

Projeto de Lei de Censura do Berlusconi foi Derrubado
O Primeiro Ministro da Itália, Silvio Berluscni, lidando com controvérsia política e acusações de estupro estatutário perto das eleições, tentou aprovar uma lei de censura no Parlamento que iria silenciar os seus críticos em programas de televisão independentes. Porém os membros italianos da Avaaz reagiram -- gerando uma petição de 70.000 nomes e milhares de telefonemas para o Parlamento em um momento crucial que ajudou a virar a votação A lei foi bloqueada, em uma vitória dos membros da Avaaz e pelo futuro a democracia e liberdade de expressão na Itália.

O "Anjo" anti-corrupção na Espanha

Esta semana um jornal espanhol chamou a Avaaz de "O Anjo do Dia" por lutar contra a corrupção na Espanha -- apenas um destaque entre uma onda de cobertura midiática sobre a petição de 100.000 espanhóis e um ação de teatro de rua que pedia a exclusão de políticos com acusações de corrupções das próximas eleições. Com a mobilização aumentando, um debate nacional sobre a corrupção está esquentando e os partidos políticos estão sentindo a pressão.

Brasil: Barrando a Hidrelétrica de Belo Monte na Amazônia
A proposta usina de Belo Monte, uma catástrofe ambiental, está sendo atrasada em parte devido à forte pressão da sociedade -- incluindo uma entrega espetacular da petição por lideranças indígenas com mais de 600.000 nomes de brasileiros e pessoas ao redor do mundo. A Organização dos Estados Americanos se juntaram aos críticos da barragem, dizendo que ela viola direitos humanos -- gerando mais pressão pelo cancelamento do projeto e o investimento em energias verdadeiramente sustentáveis no seu lugar.

Um milhão para Salvar as Abelhas
Mais de um milhão de pessoas, incluindo 200.000 na França assinaram uma petição explosiva para banir agrotóxicos que exterminam as abelhas em massa ao redor do mundo -- e junto com um grupo de apicultores franceses, nós entregamos a petição para o Ministro da Agricultura da França em uma grande conferência. A campanha continua com demandas por ações concretas na França União Européia e ao redor do globo.

Vitória sobre noticiários "Falsos e Enganosos" no Canadá
Oficiais conservadores do Canadá estavam tentando lançar uma mídia do estilo Murdoch nas redes de televisão -- mas em fevereiro eles tentaram diminuir padrões jornalísticos para noticiários falsos e enganosos, gerando uma avalanche de oposição. 100.000 membros canadenses da Avaaz assinaram a oposição e a proposta absurda para enfraquecer o jornalismo sério foi retirada.

Solidariedade Global pelo Egito
Nos momentos mais sombrios da luta pela expulsão do Mubarak, os egípcios disseram ao mundo que precisavam de solidariedade -- e os membros da Avaaz responderam. 600.000 de nós assinamos a mensagem de apoio levado direto para a Praça Tahrir pela rede Al Jazeera -- ajudando a apoiar um movimento abastecido de esperança nos seus momentos mais difíceis e incertos.
Os Bilhões do Mubarak, congelados
Quando o Mubarak deixou o poder no Egito, ele tentou levar a sua fortuna roubada com ele -- porém em dias, mais de meio milhão de nós pedimos para o Ministros das Finanças do G20 congelarem imediatamente os seus bilhões. Entregamos a mensagem com uma "pirâmide de protesto" próxima da Torre Eiffel durante a reunião dos ministros. Nas semanas seguintes a União Européia e países ao redor do mundo concordaram em congelar as contas do Mubarak e seus principais assessores.

Entregando 1 Milhão de Vozes pela Segurança dos Alimentos
Logo após uma nova ferramenta de democracia direta na Europa ser lançada, mais de um milhão de pessoas de todos os países da União Européia participaram da primeira Iniciativa de Cidadãos Europeus da história -- um processo onde as pessoas podem apresentar petições oficiais que exigem uma resposta. Os membros da Avaaz pediram o congelamento imediato da entrada de plantações de OMGs - transgênicos - na União Européia até que estudos objetivos, livres da influência da indústria, consigam provar que eles são seguros. A iniciativa teve uma entrega espetacular para a Comissão da União Européia que inundou a mídia com notícias, levando uma mensagem clara para os governantes.

Sob pressão, a África do Sul começa a confrontar o "estupro corretivo"
Quando um grupo local na África do Sul lançou uma petição demandando que o seu governo lidasse com o "estupro corretivo" -- a epidemia doente de estupro de lésbicas para "torná-las heterossexuais" -- elas foram a princípio, ignoradas. Porém quando a sua petição alcançou 170.000 assinaturas, o governo respondeu. E agora, com quase 1 milhão de nós e uma atenção midiática enorme, a pressão por ações significativas está se tornando inevitável.

… E Tudo isso é 100% Financiado pelos Membros da Avaaz do Mundo Todo!
Todas estas campanhas são demonstrações da promessa da força da sociedade civil -- do que é possível quando nós nos unimos pelo que é certo. E todas elas foram completamente financiadas por pequenas doações de membros da Avaaz, incluindo 250.000 pessoas que doaram para campanhas específicas e 10.00 de nós que somos "mantenedores" e doamos alguns reais, euros ou dólares por semana ou por mês para cobrir os custos básicos da Avaaz -- clique aqui para ajudar também. Por causa destas pequenas doações, a Avaaz não tem que responder a financiadores corporativos, grandes doadores individuais ou se limitar com restrições governamentais. Ao contrário, a Avaaz só reporta aos seus membros e pelos sonhos de um mundo melhor para todos.

Com esperança e um agradecimento enorme pelo apoio de cada pessoa desta comunidade incrível,

Ricken, Ben, Saloni, Alice, Graziela, David, Shibayan, Morgan, Tihomir, Emma, Giulia, Rewan, Kien, Luis, Alex, Mia, Stephanie, Milena, Heather, Veronique, Iain, Pascal, Benjamin, Yura, Laura, Saravanan, Alma, Dominick, Brianna, Sam, Mohammad, Tricia, Janet, Laryn, Aleksandr, Maksim, Denis e todos os voluntários, tradutores e todas as pessoas da equipe da Avaaz.

Veja alguns destaques na mídia:

Artigo no Times of London (em inglês):
http://www.scribd.com/doc/48808533/?press

Mobilização 2.0: a voz da Avaaz, Página 22 FGV
http://pagina22.com.br/index.php/2011/04/mobilizacao-avaaz/

Militância online, Revista Criativa:
http://revistacriativa.globo.com/Revista/Criativa/0,,EMI167448-1737...

A vez dos militantes 2.0, Correio Brasiliense:
http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/tecnologia/2010/06...

Cerca de 72 mil aderem à petição que critica Bolsonaro, Estadão:
http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,cerca-de-72-mil-aderem-...

Cobertura da camapanha anti-corrupção na Índia, The Hindu (em inglês)
http://avaaz.org/the_hindu_hazare_launch

Artigo "Anjo do Dia", La Republica (em espanhol):,
http://avaaz.org/republica_angel_of_the_day

Iniciativa de Cidadãos Europeus, Le Monde (em francês)
http://www.avaaz.org/le_monde_eci

Veja outras matérias na imprensa aqui:
http://www.avaaz.org/po/media.php
Comentário de Maria Gomes em 20 abril 2011 às 0:32

Muito obrigada, Luísa!

A História das coisas deve ser vista uma vez por semana e este aqui também http://www.youtube.com/watch?v=XOUzYAKWOWU&NR=1

Comentário de Luisa Maria Barroso M.R.Lopes em 19 abril 2011 às 21:22

http://www.youtube.com/watch?v=3c88_Z0FF4k

 

Elucidativo, não?

 

Grande trabalho de A.Leonard

 

 

Membros (16)

 
 
 

Publicidade

Economia de Transição

Somos uma Rede Social, com mais de 6.000 membros, especializada na facilitação de vida a Empreendedores de Transição para as Sustentabilidades.

Impulsionamos a Permacultura como filosofia e método de design em Portugal desde janeiro de 2009.

Fomos pioneiros na adaptação do Modelo de Transição à cultura e economia portuguesas!

© 2018   Criado por João Leitão.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço